E já agora, quanto custou????

Foram um sucesso as festividades de fim-de-ano ou de Ano Novo, como queiram chamar, levadas a cabo pelo município viseense. Já o disse anteriormente e volto a re-afirmar agora, a fazer, fazer bem como foi o caso. Se foi caro ou barato, algo que tem sido alvo de alguma discussão, é questão a que não conseguimos responder…

E porquê? Bem, a estória conta-se rápido:

  • A 5 de Dezembro, o executivo faz aprovar, fazendo fé na respectiva acta, em sessão 25.2 25.1de câmara, as adjudicações do espectáculo de video mapping e do espectáculo piro-musical. A acta, estranhamente ou talvez não, não faz referência a valores nem entidades, remetendo para documentação de suporte não anexa à dita… Existindo apenas a referência a valores por parte da oposição, que apontam para os € 34.000, existindo ainda referências públicas, por parte dos Srs. Vereadores do PS a montantes na ordem dos € 38.000;
  • Nesse mesmo dia, o Município via comunicado, presta a seguinte informação: “… Fogo-de-artifício, música e uma performance de video-mapping marcarão a contagem decrescente para 2014 em Viseu e os primeiros momentos de 2014. Brevemente, serão conhecidos pormenores da programação.”, não existe qualquer referência a custos;
  • A 30 de Dezembro, é, finalmente, dado o conhecer o programa das festas, sendo1525159_1440056269545993_1314015719_n então conhecido que do mesmo faz parte um concerto da conhecida e afamada banda viseense HI-FI;
  • Ao que julgo saber e decorre, também, do constante em Acta, não foi e talvez não fosse legalmente necessário, levado a reunião de executivo a adjudicação do atrás referido concerto;
  • Apesar de alguma discussão pública dos custos das festividades em causa, nunca o município prestou qualquer esclarecimento, talvez não tivesse que fazer, mas, também, o podia ter feito…
  • Sabemos hoje, por consulta a mecanismos legais, portal base, que o espectáculo de 1526380_695441027155578_492187040_nvídeo mapping foi adjudicado à Luso Events, LDA. por € 1522305_695887897110891_1587126199_n34.563,00 e o espetáculo piro-musical à Oleirense-Fogos de Artifício, LDA., por € 11.000,00, valores c/IVA incluído;
  • A soma dos valores das duas adjudicações ascende aos € 45.563,0 já c/IVA;

Quanto custou o concerto? Qual o custo total dos festejos? Caro ou barato?

Em tempo de novo ciclo, responda quem souber…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s