Fernando… e o texto que preferia não escrever..

Extracto da “ACTA DA TERCEIRA SESSÃO ORDINÁRIA DA ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE VISEU, REALIZADA NO DIA VINTE E SETE DE JUNHO DE DOIS MIL E ONZE”

FERNANDO RUAS:“O CDS também insiste numa outra coisa que o Senhor Deputado Rui Santos me vai sempre lembrando, que eu que estou no fim do mandato. Eu sei Senhor Deputado e que não voltarei a ser Presidente da Câmara, mas não é por vosso mérito, não é por isso. Sempre que me sujeitei a eleições de forma democrática, os viseenses disseram aquilo que queriam a meu respeito, portanto, sabemos bem como é que isto foi decidido. Não me esteja sempre a lembrar disso, que eu sei muito bem. Se alguma ver voltarem a ter responsabilidade, cá estarei também, enquanto cidadão, para ver se aquilo que me segue é tão produtivo como aquilo que eu tentei deixar na Câmara.”

RUI RODRIGUES DOS SANTOS:“Em relação àquilo que disse o Senhor Presidente, nem tinha dado conta que fala no seu final de mandato, realmente, o texto faz essa alusão. O Senhor Presidente tem referido isso, se calhar, está a conviver um bocadinho mal com essa situação, mas o tempo se encarregará de fazer ver que não, até porque penso que poderá ainda prestar muitos serviços ao País e à cidade no futuro…”

812079Estávamos em Fevereiro de 2011, então, tal como agora, Fernando Ruas não conseguia perceber que era tempo de descansar e, porque não, abraçar novos projectos de âmbito nacional ou internacional. Pensei que neste hiato de tempo, mormente agora que foi “ultrapassado” o tempo de substituição e Fernando ganhou uma nova vida, que já tivesse interiorizado o “bem” da sua saída… Mas não, ao deparar-me com o seu discurso de despedida no Congresso da ANMP deste fim-de-semana, constato que me enganei…

Ouvir Fernando Ruas afirmar “…ser o único cidadão maior e sem cadastro que é impedido de ser recandidatar ao município de Viseu” leva-me a assumir que tinha uma razão que, sinceramente, gostava de não ter.

Fernando Ruas ainda não conseguiu ultrapassar este “trauma”. Fernando tem duas images-11hipóteses, ou percebe que os tempos mudaram, que um novo ciclo começou e que o seu papel, hoje, é outro e que a sua ambição tem e deve estar para além de mais do mesmo e entra na galeria daqueles que realmente fizeram e ficaram na história, ou entra numa fase estilo “soares” e um dia vai perceber que afinal, a ingratidão dos homens está mais perto que o sol de um novo amanhecer…

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s