E o Presidente sou eu… Olha que não , olha que não….

Na sequência lógica e natural das coisas, a seguir a eleições autárquicas renovam-se os órgãos dos organismos inter-municipais. No caso concreto da Comunidade InterMunicipal Viseu Dão Lafões da qual fazem parte 14 municípios, 13 da zona centro-sul do distrito de Viseu a que se junta Aguiar da Beira, o processo está em marcha, tendo os 14 presidentes tomado ontem, 31, posse. No entanto, o sucessor do carismático Carlos Marta, não foi ainda escolhido, tendo a continuação do processo sido adiado para 6 de Novembro, em virtude das interpretações diversas a que a Lei, estamos em Portugal recorde-se, se presta…

Se a Lei se presta a interpretações diversas, o “homem” presta-se a interpretar à sua maneira. Por esta e por outras, o descrédito sobre a política está em alta e o seus agentes em preço de saldo. PS E PSD reivindicam o “poder”, a legitimidade do PS é reforçada com a presidência de 8 das 14 câmaras e no transcrito no Artº 88 da Lei 75/2013, já o PSD escuda-se no argumento do nº de eleitores por concelho consagrado  Artº 105 da mesma Lei que remete para representatividade em face do número de eleitores. Assim sendo, temos aqui uma grande salgalhada, atente-se no plasmado nos pontos 2 e 3 do Artº 105 e chegamos à conclusão que a CIM está ingovernável, dado que se por uma lado o PS tem a “maioria” dos municípios, por seu turno o PSD detém os municípios com mais eleitores. Alguém vai ter que ceder…

imagesCAKP4BTME se João Azevedo, Presidente da Câmara de Mangualde e da Federação Socialista, não vai enjeitar a possibilidade de ficar a “mandar” nos fundos comunitários e infligir nova humilhação ao almeida-henriquesPSD de Mota Faria, por seu lado, António Almeida Henriques, Presidente do Município de Viseu em face da sua estratégia e do discurso centrado em “Viseu, cidade-região”, também não pode permitir que outro que não ele seja o “Presidente”. Diga-se que ambos, estou seguro, fariam um excelente mandato, reúnem, a meu ver, as competências para tal.

A decisão urge, pois em causa podem estar fundos comunitários mas não só, alguém vai ter que ceder e, muito provavelmente, o Presidente não será nenhum dos candidatos que se perfilam…

Unknown-1

A esta hora, Carlos Marta deve estar a relembrar o que disse no verão passado sobre a liderança laranja de Mota Faria e a preparar a passagem do testemunho a José António Jesus, edil de Tondela…

 

 

 

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s