António, Viseu precisa que …

Já aqui escrevi sobre a vitória de António Almeida Henriques e a sua eleição como Presidente da Câmara de Viseu, também já opinei sobre alguns desafios que António irá enfrentar e, sinceramente, não esperava voltar a escrever sobre “isto” tão cedo…

getimage.aspxAntónio Almeida Henriques e restantes eleitos tomam posse no próximo dia 22 do corrente, mas António não perde tempo e, bem diga-se, foi preparando o seu trabalho e escolhendo aqueles que consigo mais de perto vão trabalhar, apesar de só fazer convites depois da posse… De caminho aproveita para, em entrevista ao Jornal de Notícias de 13 de Outubro, deixar algumas ideias no ar sobre que pretende fazer e com as quais facilmente concordo e acho que poucos não as subscrevem na sua generalidade e bondade.

Se não admira que o “seu” 1ª escolha na lista que consigo foi a votos, o Arquitecto Fernando Marques, seja o preferido para o lugar de gestor do centro histórico, seja isso o que for e não estando em questão a qualidade intrínseca  do citado, que para mim merecia e deveria ter tido lugar “mais acima” na lista da vereação, por outro lado muito me admira a sua, do António, vontade em manter ou marcar, isto no caso de não querer correr o risco de ser apenas o fiel escudeiro de D. Ruas, o que vai mas quer voltar, as reuniões do executivo camarário para as 5ª’s-feiras.

António, talvez atraiçoado pela sua bílis, ainda não recomposta da intensa campanha eleitoral, esquecido que reuniões da Assembleia Municipal por si presidida só às 2ª’s e 6ª’s, talvez porque desse mais jeito aos deputados municipais, mostra-nos que o novo ciclo, as novas políticas, uma nova forma de estar e fazer afinal de contas podem traduzir-se num imenso deserto… talvez aquele que alguém atravessará em apenas quatro anos…

Não basta dizer que e passo a citar: “Viseu tem de interagir com o Porto e com Lisboa. Viseu tem de se abrir ao Mundo”. É preciso fazê-lo com atitudes consequentes, ou não “passaremos” de Rio Maior…

Um dia alguém disse a Francisco Lucas Pires que quando o país precisou que crescesse, infelizmente ele tinha engordado…

One response to “António, Viseu precisa que …

  1. Pingback: Factos & questões… reflexões | tempo de vésperas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s