Uma “bazooka” na Assembleia…

“O Coronel vai para a Assembleia Municipal pelo CDS, pá!!!!!” dizia-me hoje, logo pela fresca, ao telefone um amigo sempre atento ao que se passa cá pelo burgo… Para de seguida rematar com um “é pá, agora é que vai ser bonito, com ele na Assembleia está tudo…”

Ri-me, disse-lhe para se sossegar e sossegar mais umas quantas almas rasteiras que por aí vegetam pois o homem lá terá as suas razões e para além do mais goza dos mesmos direitos de cidadania que outro cidadão qualquer.

188913_10200751609943043_1076826594_nO Fernando Figueiredo, por quem nutro estima e amizade, dispensa apresentações e não carece de textos laudatórios sobre o seu percurso de vida, foi e é alguém que pôs e põe o servir os outros, o servir o seu país na linha da frente das suas prioridades.

Durante anos, o Fernando exerceu a sua cidadania participativa sob o cognome de o “bazookas” via o carismático e impagável blog Viseu, Senhora da Beira. Cedo se tornou uma referência pela forma como tratava os assuntos, aberta e sem medos, contundente e incisiva, geralmente bem informado, o “bazookas” tornou-se no pior pesadelo de alguns, nomeadamente, daqueles que se julgavam intocáveis, aqueles que se julgavam tocados pela protecção divina… Rápidamente conquistou lugar de destaque no panorama local e regional, assumindo-se muitas vezes, até por inércia de quem de direito, como o verdadeiro “jornal” de Viseu.

Agora, o Fernando resolveu dar mais um passo na sua participação cívica, perseguido pela ideia que o exemplo é a única forma de mudar o mundo e dando razão às palavras de Agustina Bessa-Luís de que “a crítica é menos eficaz que o exemplo”, eis que se abalança naquela que talvez seja a missão mais arriscada da sua vida, mesmo para quem cruzou os palcos de guerra e fez do risco a arte da sua vida.

O Fernando tinha e tem, tudo para se manter confortavelmente sentado na cadeira do observador, mas não, isso não lhe chega, não é homem de não fazer e aqui cruza-se SNC00871com o candidato centrista, com o Hélder Amaral, também ele um agente do fazer, da mudança… e resolve avançar, dar a cara ao manifesto, saltar para o lado de lá e com seu exemplo ajudar a “nossa” cidade a ser melhor cidade, a ter um futuro diferente e risonho.

Entendo e compreendo, esta vontade e atitude do Fernando, que assim se “despede” do “Bazookas” faltando saber se a sua ausência não será mais notada do que o seu magistério na liderança da Assembleia Municipal.

Uma coisa é já certa, depois de hoje o amanhã será seguramente diferente, ou não vivessemos em tempo de vésperas…

Advertisements

One response to “Uma “bazooka” na Assembleia…

  1. Estou certo que na próxima Assembleia Municipal irái ser incómodo e pugnar pelo melhor para o Concelho de Viseu,. É pena não ser candidato à Câmara Municipal. Então e se fosse eleito…aí sim a “bazooka” iria funcionar com assiduidade. A Assembleia Municipal apenas reúne meia dúzia de vezes por ano e tem poucos poderes. E se o futuro Presidente da Mesa se portar como Almeida Henriques o fez nos últimos anos, a sua actividade sairá prejudicada. Boa sorte Sr. Coronel.

    AJ

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s