A censura voltou…

censura5A censura existiu, de facto e assumida, no Portugal do Estado Novo, os jornais iam ao crivo do lápis azul e as pessoas tinham receio de expressar as suas opiniões e pensamentos, nomeadamente quando não eram pró-situação. Todos sabemos que houve quem fosse preso, deportado ou forçado ao exílio…

Pasme-se, ou talvez não, quando volvidos 39 anos sobre a aquela madrugada do “dia inicial inteiro e limpo, onde emergimos da noite e do silêncio”, nas palavras de Shopia de Mello Breyner, voltamos a viver sobre a sombra de uma nova censura.

Censura essa, protagonizado e incentivada por muitos daqueles que se arreigam de “lutadores” da e pela liberdade, que cantam o “Grândola, vila morena”  como se de um hino se tratasse e que fazem da intolerância e da má criação bandeiras erguidas como se de conquistas desse Abril se tratassem…

Vem isto a propósito de vários incidentes ocorridos nos últimos tempos com membros doimages governo e não só, que são impedidos de expressar as suas ideias e opiniões por “agentes” da liberdade de expressão, arautos das liberdades e direitos e para quem a democracia é, apenas, para quem com eles “comunga”.

Que seria de nós, das nossas verdadeiras liberdades, direitos e garantias e das conquistas de Abril se estes “senhores” um dia fossem governo???

Pois é…

 

 

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s